Programação Rugby na SportTV

Programação Rugby na SportTV
(clique para consultar a programação)

domingo, 30 de maio de 2010

Entrevista Emanuel Vicente (Coach)

Porque este é um blogue sobre o rugby em Viseu, e fala tanto para a equipa que agora existe nesta cidade, mas houve outras, devido a isso, para esta segunda entrevista, convidei uma pessoa, muito importante para mim, foi o meu primeiro treinador de rugby, ensinou-me tudo o que sei, foi das pessoas que mais marcou ao longo deste tempo que jogo rugby. Para alguns que não conhecem, falo do Emanuel Vicente, vulgo, COACH, ou também cu de prateleira. Foi treinador/jogador nos tempos da Agrária, e agora torce por fora para que este clube dê certo, e para que o rugby em Viseu, nunca acabe.

PERFIL
Nome: Emanuel Alexandre Teixeira Vicente
Idade: 26
Posição: Todas, incluindo banco (importante para dar apoio á equipa) mas de preferência segundo centro (13)
Altura: 1,70
Peso: 80kg
Clubes: Secção de Rugby da Associação Académica de Coimbra, Agrária de Viseu

ENTREVISTA

Blogue Não Oficial do Rugby Em Viseu - Boa tarde! Antes de demais, gostaria que fizesses uma breve apresentação sobre ti.

Emanuel - Eu sou uma pessoa que luto sempre pelo que gosto, adoro estar com os meus amigos, vivo entre ser Animador Cultural, Rugby e recentemente voleibol Feminino, já fiz muitas coisas na minha vida, como trabalhar na construção civil, bares, fabricas, restaurantes, associações, animador em festa, eventos e recentemente em Lisboa numa Escola inserida num bairro social (onde aplico muitas técnica rugbisticas), gosto de desafios, vivo o jogo de rugby mesmo fora de campo! Gosto de acabar um jogo de rugby e beber cerveja a seguir…então se for com amigos, tipo Prata e Alcobaça é perfeito…vá se for o Bofia (Ricardo Campos) também não é mau as primeiras horas.

BNORV - Quando e porque é que começaste a jogar rugby?

E – Comecei a jogar com 12 anos, inicialmente na escola, depois o meu irmão começou a jogar, e um ano depois também quis ir atrás dele e foi a melhor coisa que fiz, pois aprendi muitas coisas, fiz muitas coisas e fui a muitos lados em prol de uma camisola e de uma secção.

BNORV - O que é o rubgy para ti?

E – Para mim, é uma lição de vida, uma aprendizagem constante, uma família. Quem vive o desporto e especialmente este desporto, e quem o aceita como uma escola, vai aprender que alem dos amigos e de todos os ensinamentos que ele nos dá, faz crescer homens. O rugby para mim é uma PAIXÃO…um desejo, uma luta constante entre o fracasso e a vitória, é uma dança, uma música predilecta, e para mim quase uma MULHER…acreditem que para mim o prazer de acabar um jogo com os meus colegas, felizes e uma vitória no bucho é tão bom como um Orgasmo…apesar deste durar segundos e o prazer do jogo demora Horas. E claro rugby para mim e a união de um grupo que vive não para dinheiro, não para fama, nem para a Glória, mas sim para a luta de um posto e de RESPEITO.

BNORV – O rugby, mudou algo em ti? Ou mesmo na tua vida e como a encaras no dia a dia?

E – Claro, mudou muito, a ter respeito pelo adversário e pela vida, a respeitar o mestre (treinador) assim como respeitamos o patrão, a lutar, esfolar, deitar sangue sem receber nada em troca a não ser o abraço do nosso companheiro, a pensar que nem tudo que fazemos temos de receber por isso, a ser amigo em todas as alturas…quando uma recepção é mal feita (não há maus passes, mas sim más recepções) apoiar e ajudar aquele que cometeu o erro, a meter a cabeça no pé do adversário para o colega não ser pisado, a dar a cara para levar o soco e não ser o que dá o soco, pois esse vai para a rua, a dar as costas para o adversário pisar, mas a bola ficar do nosso lado para o meu colega marcar o dito ensaio, enfrentar o adversário pela base e não pela cabeça, pois é na base que está o suporte, a não Julgar pelo tamanho mas sim pela capacidade…o rugby ensinou-me isto e muito mais… muito mais mesmo. Mas o mais importante ensinamento foi sem dúvida TRABALHAR PARA SE CONQUISTAR. (num campo há sempre 3 adversários, a equipa contrária, o arbitro e o treinador, temos é de lutar contra tudo isso.)

BNORV - Qual a posição em que sempre sonhaste jogar?

E – eu tive a sorte de jogar em todas, mesmo todas. Gostei muito de jogar a 15 e a 7, mas claro o 13 é sem dúvida a minha de sonho.

BNORV - Qual foi o jogo mais especial que já jogaste, e porquê?

E – Bem todos são especiais, mas claro naqueles em que ganhamos taças é sempre os que marcam mais, no I Torneio Internacional Memorial JP em Coimbra, na final…Muito marcante por conhecer o Falecido João Pedro(JP) e ser amigo, na final da Taça Ibérica em Barcelona contra Samboianos é a taça mais importante que se pode ganhar na Península Iberica , Final da Taça de Portugal contra CDUL perdemos injustamente no meu ver, entrei nesse jogo na segunda parte e só pensava em ajudar o meu Irmão que estava a ser massacrado por colegas de selecção dele, todos estes tiveram o seu êxtase no auge. E nos jogos de Praia com a Agrária de Viseu muito especiais porque foi a primeira vez que jogamos juntos contra federados e seleccionados portugueses, e contra a Moita porque empatamos em Coimbra com uma equipa de amigos e doidos.

BNORV - O que gostavas mais na equipa, quando jogavas pela Agrária?

E – A amizade, convivo, apoio, confiança. Gostava do grupo que me ensinou tantas coisas que não sei retribuir isso, fiz uma coisa que ainda hoje me marca, fiz amigos únicos (Alcobaça, Prata (estes são únicos), Ricardo Campos (Bófia), Açoreano, Rangel, Preto, Álvaro, Madalena, motoristas do IPV, Telmo, Pé grande, Rastafari, pipa do pilar, entre outros que me devo estar a esquecer…). Gostava de jogar com verdadeiros amigos, e com Agrários de Alma!

BNORV – Quem mais te marcou no tempo da equipa na Agrária?

E – Prata, sem dúvida por toda a sua casmurrice, amizade, dedicação, apoio e ensinamento, Alcobaça por todo o seu ser, pelo Professor que foi em todos os momentos, pelas bebedeiras, pelas ruelas e calçadas…por ser um dedicado e insistente como eu em tempo fui. Ricardo Campos (Bofia), por ser louco, doido, amigo, burro as vezes…mas tem o Dom de só desistir quando está numa maca do Hospital, Telmo ( Presidente) sempre disponível, dedicado e atento e uma irmão de jogo. Há mais…mas estes foram muito marcantes.

BNORV – Queres explicar, donde vem a alcunha do “Cu de Prateleira”?

E- BASTA OLHAR PARA MIM…mas a minha mãe foi a primeira a chamar-me isso…com um rabo deste tamanho também consegui cagar…mas é um rabo cobiçado por muitas equipes nacionais e internacionais…looolo!

BNORV – Quais os conselhos que deixas ao pessoal desta equipa?

E – já os deixei em cima, basta ler com atenção, mas posso dizer que jogar é arte, e para aplicar essa arte é preciso ser-se inteligente e dar de nós para os outros, deixar as manias dos chulos da Bola redonda, e mostrar que um JOGO DE BRUTOS É JOGADO POR CAVALHEIROS, E NÃO UM JOGO DE CAVALHEIROS JOGADO POR BRUTOS.
Um outro é que um jogo só é ganho por quem deseja muito ganhar, e não por quem pensa que o vai ganhar.
1cm de terreno num campo de rugby pode ser motivo de vitória, por isso vamos conquistar todos os centímetros até a linha de meta.
Joguem por amor e não por mania.

BNORV - Qual o teu jogador favorito?

E – O MEU IRMÃO

BNORV - Que dirias a alguém que desconhece este Desporto, para o convencer a vir experimentar?

E - Fácil, a ideia que as pessoas no geral têm, é que o rugby é um desporto violento, outras confundem com Futebol Americano, então começar a desmistificar isso a diferenças, depois mostrar a alegria e a lealdade com que se joga, e acabar por dizer que JOGO DE BRUTOS É JOGADO POR CAVALHEIROS, E NÃO UM JOGO DE CAVALHEIROS JOGADO POR BRUTOS. Não há uma formúla para se explicar e convencer, mas acho que mostrar os benefícios que tem, como por exemplo…tenho um dói-doi na coxa…as miúdas adoram homens com mossas e arranhões e aleijados pelo desporto, depois as miúdas adoram homens másculos e viris em desportos que mostram as suas forças, por isso este desporto atrai muitas miúdas (assim como as touradas, porque é que as miúdas BEM BOAS, vão as toradas? Não é para ver cornos…para isso olham para os namorados…é para ver os forcados a agarrar o bicho…)

BNORV – Apesar de nunca teres jogado com muitos deles, queres deixar uma mensagem para o pessoal do clube…

E – Quero…deixo uma mensagem de alegria e agradecimento ao Prata pela honra da entrevista e pela dedicação que esse gordo tripeiro dá ao rugby (e poucas coisas aprendeu comigo), e por ter feito com que o Rugby em Viseu não morresse , segundo o orgulho que tenho da equipa, e pelos resultados obtidos, o orgulho que tenho em dizer no comité regional que estive a jogar rugby em Viseu, dizer a todos os jogadores e às fantásticas jogadoras que apesar de não me conhecerem e nunca me terem visto jogar ou treinar ou coisa parecida que vocês são uma equipa em grande. Que uma das minhas maiores tristezas é não estar ai e jogar com vocês, é não poder apoiar mais vezes.
Quero também dizer que apesar das adversidades que possam aparecer não desistam, e TREINEM sempre…pois os jogos são o reflexo dos treinos…treinem sempre para ser melhores e não para ser bom.
Para acabar, parabéns a todos os Treinadores que passaram pelas equipas, com abraço grande ao Carlos ao Zé e ao Pimenta.


obrigado pelas tuas respostas.

15 mêlées:

Teresa disse...

Gostei muito da entrevista ao amiguinho! :)

telmo #12 disse...

passados quase 2 anos sem escrever aqui nao resisti a dizer...
obrigado por tudo companheiro,amigo,irmao do cu grande seja la o que for...quando na reforma treinares uma equipa espero estar aqui para jogar ctg,beber cerveja,olhar para as miudas boas

Anónimo disse...

alguns de voçes que ainda estao em viseu, podiam voltar... obviamente que o espirito é diferente, cada equipa tem a sua, mas acredito que iam gostar, ao principio podia ser estranho, mas se voçes gostam de rugby, como acredito que gostem tudo isso se ultrapassa... apareçam seram bem vindos os vossos ensimanentos..

Kampus disse...

Oh Cu de Prateleira, tás mesmo passado dos cornos!!!!
Mas mesmo....
Mas desde quando tu jogas-te a 13?????
Com esse cu e esse tamanho de Hobbit, davas um "grande" 2.º Centro, mas nos Bambis....lolololol

E foram os teus passes de "amigo" que me fizeram levar tanta mocada na Costa da Caparica...

Então aquela pêra no 1.º jogo com o Benfica foi impecavel...

Mas seja em que posição for (menos na de FECHADURA), jogo contigo onde, quando e contra quem quiseres (a tua mamã exigiu-me que tomasse conta de ti...lolol)

E esse cromo do Telmo já aparece finalmente por aqui???

Vamos ver por quanto tempo, oh Président...lolol

Ah, e vamos lá a deixar essa alcunha de "Bófia", sim???

Já chega...

Vamos é ver se o Prata organiza um "joguinho" entre os mais velhos e a actual, com o respectivo jantar a seguir..

PRATA, BURRO...TRATA LÁ DISSO AGORA PARA O FIM DAS AULAS, OK???

Aí num fim de semana dava jeito..de preferência ao fim da tarde, quando não está muito calor...lolol

Isso é que era...

Kampus disse...

Mais....se alguém conseguir tirar o cu do Alcobaça do sofá....prometo que não lhe bato durante o jogo (talvez no fim do jantar, sim, mas aí também quem vai dar conta!????)

Vamos...let's play rugby....

Kampus disse...

ah, e se houver poucos, não se preocupem, que arranjo mais uns "amigos" pra irem jogar...lolololol ;)
É claro que jogo da equipa contrária à do cu de prateleira...

Ou seja, fico com a namorada dele na esplanada aa beber umas minis e a convencê-la de que eu sou melhor escolha----lollol

telmo#12 disse...

continuas o msm tenrinho kampus,ou bofia seja la o que for....ainda me lembro do tempo que dizias que so me querias apanhar em campo, e depois de mts treinos nunca vi nada....menino.....hihihihi grande abraço ricardo campos,ou sera que devo dizer ricardinho????aquele abraço

Anónimo disse...

OPÁ...Ricardo, ocupas todos os espaços com as tuas mensagens breijeiras, e pouco culturais...!!o rugby fez tantas coisas por ti, fez-te um homem, fez de ti um pessoa melhor...epá...mas será que ser BOFIA...não faz nada de ti...vens para aqui falar, parece que somos a malta do bairro alto, ou os pretos de Loures...!!!Já agora,...Ricardo se não consegues convencer as milhares Lisboetas que és Bom, como queres convecer uma namorada minha que está na satisfação plena com este cu de parteleira que é um docinho...!!a falar com tanto calão...vais é arranjar um namorado...na certa!!agora a ideia do jog e jantar, é sempre muito boa...até para idolatrar umas piadas sobre o bofia, sobre a mitica queda do alcobaça na Praia, sobre a bola que o Ricardo campos não apanhou em Lisboa contra a equipe mais fraquinha, sobre o Prata...e a sua fadiga exacerbada!!!agora fazer um jogo contra o KAMPUS...epá...eu adoro-te Ricardo e sabes que te respeito a cima de tudo...e te considero um dos meus melhores amigos apesar de tudo...mas jogar contra ti, para te humilhar de novo....epá...não achas que é de mais...é que depois vais para a LINHA...chorar a dizer que foste de novo enrabado pelo cu de parteleira...!!!obrgado ao Presidente...sempre foi um prazer jogar contigo...!!!vá vamos dizer a malta toda que conhecemos que eu dei uma intervista ao nosso blog...porque este é o blog da malta...vamos publicitar...quero que a minha intervista seja a mais comentada....!!!Prata...és o MAIOR

EMANUEL VICENTE

Rui Silva disse...

Era muito nice, isso do jogo e jantarada, para jogar rugby, comer e beber o pessoal está sempre pronto!!

prata disse...

tomar- Não queiras beber com esses gajos...

a sério...

jogar rugby ainda va que nao va, agora comer e beber, desaconselho vivamente essa oferta.
Comezainas, com esses gajos, vai acabar ou com o nosso preto bebado e nem sabe onde mora, ou a fazer elevações no meio do factor C, ou a jogar rugby em frente ao coyote, bem...

não acho mesmo nada boa ideia..

Anónimo disse...

prata que exagerado...no maximo dos maximos temos o Ricardo Campus a tentar engatar o Alcobaça, ou a discutir contigo para variar um cadito quando os dois estão juntos...mas umas elevações no factor C, é de homem!! por falar nisso...tenho uma foto a fazermos uma MELÉ, na semana académca trajados...brutal..!!

vamos lá jantar!!!

EMANUEL Vicente

Anónimo disse...

Muito boa tarde cavalheiros.
Ora então tenho o enorme prazer de aqui fazer um breve comentário á entrevista e aos colegas de campo e amigos que fiz neste desporto maravilhoso.
Bem quanto á entrevista quem sou eu para falar de Rugby, quando o amigo entrevistado disse particamente tudo.
Agradeço as palavras, e quem me conhece sabe que jogo com um enorme prazer e gozo por um desporto que sempre quis praticar mas nunca tive oportunidade e nem me deixaram.
Foi em Viseu que pude disfrutar de um desporto inteligente e de amizade pelo colega ao nosso lado.
Fiz muitas amizades que prezo, muita diversão que passei e sempre muita vontade de jogar por gozo e satisfação pelo Rugby.
Agradeço a todos com quem jogei com quem aprendi e obrigado por jogarmos juntos.
Quanto aos momentos antigos passados, falar deles sim mas no final de um jogo e depois com repasto bem bebido.
Se o Nobel da Paz consegui unir um País penso que também um dia conseguimos unir-nos para uma jogatana e uns copitos ba!!!
Uma palavra de apreço a todos que jogam pelo RCV, continuem joguem divirtam-se aprendam cresçam façam amizades usem sabonete e divulguem o jogo como uma formação e como ma familia, PORQUE O É.

Abraço a todos e até um dia próximo.

ALCOBAÇA

prata disse...

grande alcobaça.....

Anónimo disse...

Caro amigo Alcobaça...as suas palavras sempre cordiais, e bonitas...!!sem duvida és o MAIOR...!!

Abraços a todos..

Emanuel Vicente

Kampus disse...

Meus amigos, escrevo estas palavras dentro de um autocarro, ao lado do “cu de prateleira” na viagem que nos leva para Viseu, como resposta ao convite que aceitámos com toda a Honra e Prazer de jogar mais uma vez por Viseu…
E escrevo-as agora, porque este gajo que vai aqui ao meu lado e que as mulheres não param de reparar no enorme que é o “cu de prateleira”, me perguntou se eu tinha ido ver este blog nos últimos dias..
E após visualizar todas estas mensagens, só me vieram estas palavras:
“VOCÊS SÃO UMA CAMBADA DE TENRINHOS!!!”
Oh Telmo, mas tu deves te esquecer das vezes que ficas-te a ver passarinhos depois de mais uma “little tackle” da minha pessoa!????
Sim, é verdade, houve uma ou outra vez que conseguis-te passar ou LARGAS-TE A BOLA PARA OUTRO!!!! Muitas vezes te ouvi gritar “AI QUE ELE TÁ BRUTO!”
E tu Prata, tanta conversa e acção já sabemos… Quero ver amanhã o que vais fazer!! Já pareces outro Alcobaça, que com tanta conversa acabou por dizer isto que se resume a uma frase: “GOSTO MUITO DE RUGBY, GOSTO MUITO DE VOCÊS E TENHO SAUDADES!!”
Mas foi só isto que ele disse…da conversa que se estava a ter….NADA!!!!
Porra, cambada de meninas, que com o Tempo, parecem mais umas “frutinhas”…
Vamos mas é lá a combinar o raio do jogo para termos então a real jantarada e mostrar a esta rapaziada o quanto divertidos eram as nossas “festas”….lololol
Talvez possamos repetir os momentos das danças em cima dos bancos e mostrar a toda a gente a “Dança do Rugbie”!!!!!
E agora como repto final: VOCÊS MANDAM UMAS BOQUITAS ENGRAÇADAS, MANDAM….MAS NÃO SE ESQUEÇAM QUE PARAR É MORRER!!! E FOI O QUE MUITOS FIZERAM, QUE EMBORA ADORASSEM O RUGBY, ACABARAM POR SE AFASTAR!!!! POR ISSO, VEJAM LÁ SE PELO MENOS PARA UM JOGO A BRINCAR APARECEM PARA CONHECER A MALTA!! GARANTO QUE NÃO DEIXAM FICAR MAL NINGUÉM….
(bem, pelo menos já temos um placador todo nú à frente do NB, não é CHENKO!???!!!)